Sou Carlos Alberto Yates, técnico em mecânica. Nasci em março de 1958 e sou estudioso da Doutrina filosófica Racionalismo Cristão.Tenho grande interesse em assuntos que envolvam UFOs e agroglifos pois consigo fazer uma interação entre estes assuntos e a Doutrina que professso. Pesquiso e retiro dados dos seguintes sites: Livros Racionalismo Cristão 43ª edição e A Vida fora da Matéria; Lucy Pringle; UFOLOGIA-Brasil.

E 225) Observações sobre os abalos sísmicos de 28 e 30 de setembro de 2018..


                             
1) Venho estudando os agroglifos através das quantidades representadas pelas suas partes.
E no agroglifo de 07/7/2018 vi que existem 3 pentágonos um dentro do outro ou inscritos.
O total de lados das figuras geométricas do maior é de 255 pois temos 5 x 51 lados 5(51).
O total do segundo menor é de 87 lados e o do menor é de 45 lados.
Como sabem tomei o 255 como quantidade de dias e fiz algumas ilações pois, se contarmos
255 dias a partir de 07/7/2018 encontramos 19/03/19. E esta data, para mim, que, claro, posso estar cometendo um engano, será a descoberta do 7º mundo ou mundo primitivo.
 Mas, também como houve agora os 2 abalos sísmicos me ocorreu de tentar relacionar essas quantidades a estes sismos:
O mais forte a 78 km de Palu em 28/09, 10 km de profundidade e 7,5 de magnitude.
Neste caso temos 2 aspectos: Se pegarmos (255) e fizermos o seguinte arranjo: 55 + 20 = 75, o
que nos mostra algo semelhante a magnitude. Temos o 87, que se invertermos temos 78, ou 78 km
ao norte de Palu. E as coordenadas podem ser vistas como quantidades encontradas nos agroglifos:
(0,17), ou seja 17, e (119,84), onde temos o 11, o 9, o 19 e o 84!
Já o segundo sismo, mais fraco, de magnitude 6,6 em Fiji de coordenadas 18.37 e 178.09, onde
se somarmos 18 + 37 = 55, número que encontramos em 255 tirando o 2. A profundidade deste
abalo sísmico foi de 551 km, e temos no agroglifo de 07/7/2018 5 lados de 51 partes ou 5(51).
Se fizermos 178 + 09 = 187, e o 87 temos na totalização de um dos pentágonos do agroglifo citado que ocorreu em 7/07/2018, e o 1 tiramos de 8 – 7 = 1.
O fato ocorreu em Fiji a 260 km ao norte de Ndoi Island. Se nós fizermos 5 x 5 =25 e se
Somarmos o 25 + 1 obtemos 26 que, mesmo sem o zero, nos remete a uma precisa alusão.
Talvez não exista essa associação, mas talvez seja algo que devamos prestar atenção para saber
 se nos próximos agroglifos haverá algo mais preciso em relação a dados presentes tanto nos
 agroglifos quanto nos abalos sísmicos. Esse 2º sismo foi em 30/9.
2) E outra coisa: Se pegarmos a data de 07/7/2018 e somarmos 87 (dias) obtemos a data
 de 1/10/2018 e os abalos sísmicos ocorreram "dentro da semana" do dia 1º ou bem próximo
 a ele, em 28/09/18 e 30/09/18.
3) E, mais uma 3ª coisa somando aos dois primeiros conjuntos de dados acima:
 1/10/2018 (data estipulada) e abalos de 28/09/18 e 30/09/18: Se somarmos os dias
 28 e 30 obtemos 58 que, se subtrairmos do dia da data estipulada (1) obtemos 57,
 que divididos por 3(quantidade de datas envolvidas neste cálculo) nos fornece 19,
 ou o mesmo dia, claro, sem contabilizar o mês e o ano, da outra data estipulada pelo
 agroglifo de 07/7/2018 que é 19/03/19! Claro que podemos ter o mês (3) se
 ao nos reportarmos ao mês (9) extrairmos sua raiz quadrada, daí....19/3 ou
 mesmo dividir o 9 pela quantidade de datas envolvidas no cálculo (3).
 Apenas quero mostrar aqui que determinados fatos podem evidentemente ser
 previstos pelas grandes inteligências que regem o progresso dos mundos, pois
 estas conhecem sobremaneira tanto nossa história civilizatória quanto geológica.
E, outra coisa: se pegarmos a soma dos dias que é 58 e ao invés de diminuir 1 para encontrar 57        pegamos o 58 e somamos o 1 e ficamos com 59 que dividido por 3 = 19, 6666...  Ou seja, algo
que poderia indicar a magnitude do sismo mais fraco de 30/09 que foi de 6,6.
Agora vamos pegar a magnitude de ambos: 6,6 e 7,5. Se fizermos 6 x 6 = 36, e 7 x 5 = 35 !
Se somarmos 35 + 36 = 71, e temos uma coordenada do primeiro sismo de 0,17. E se somamos
3 + 5 = 8, e 3 + 6 = 9, ao reunirmos ao 17 temos 1789, ou seja, muito semelhante a uma das coordenadas do segundo sismo que é 178.09. Se tirarmos da coordenada 119,84 a quantia de 114,
que pertence a análise da flor da vida ficamos com 5,54 ou 554 que se fizermos 554 – 551 = 33, ou seja, um número da espiritualidade. Agora, novamente as magnitudes (6,6 e 7,5) em relação as quantidades de lados de figuras geométricas nos dois pentágonos do agroglifo de 07/7/2018 que são 45 e 87:  66 – 45= 21, e 87 – 66 = 21, e 21 x 2 = 42 ou seja 2 resultados (21 e 42) de duas quantidades presentes nos agroglifos. Agora a magnitude 7,5:  75 – 45 = 30, e 87 – 75 = 12, e fazendo-se 30 + 12 = 42, ou seja, obtemos um resultado igual (42) para as diferentes operações com as magnitudes e as quantidades expressas em cada um dos 2 pentágonos menores do agroglifo e 42 nos remete a 6 séries de 7 tipos de mundos e 21 a 3 séries de 7 tipos de mundos.
Estou começando a acreditar seriamente que estou no caminho certo em relacionar, pelo menos o agroglifo de 07/7/2018, aos 2 maiores recentes sismos. Que ocorreram no 2º semestre do ano, depois da temporada de agroglifos. Não tenho muitas dúvidas a esse respeito pois acredito que a humanidade não pode mais continuar assim vivendo somente para os prazeres materiais, acumulando riqueza, se drogando e deprimindo, sem exercitar a solidariedade. E como os agroglifos estão diretamente relacionados com a espiritualidade me parece óbvio que fenômenos de destruição em massa virão para acordar os seres humanos. Temos em evidência acima o 4 e o 2 que na Doutrina do Racionalismo Cristão representam respectivamente os atributos da inteligência e da consciência de si mesmo. E realmente a grande massa humana desconhece que todos somos espíritos reencarnados para evoluir e fazer o bem, assim como desconhece seus deveres morais. A maioria vive para a intelectualidade e despreza a espiritualidade.
Agora os sismos e a razão Pi: 


                                                                    33ª              40ª                       51ª     55ª casa.

3,14159 26535 89793 23846 26433 83279 5 0 288 419 7 1 69399 3751 0 582 0 9 74944 59230 78164 06286 20899 86280 34825 34211 70679 82148 08651 32823 06647

 Em relação aos 2 grandes sismos na Indonésia nos dias 28 e 30 de setembro: na 56ª casa o 9 que é o mês. A partir da 50ª casa até a 56ª casa temos: 1 0 582 0 9, de onde, para conseguirmos o dia 28 fazemos a inversão do 82, ou fazemos 58 – 29   = 29, de onde subtraímos o 1 da 50ª casa, ficando então com 28. Já a data do segundo sismo, dia 30 obtemos assim: 58 – 29 = 29, só que agora somamos ao mesmo 1 da 50ª casa, ficando então com 30. Notemos que foram usadas 7 casas do Pi nessa resolução, talvez mais uma alusão ao 7º tipo de planeta. Vejamos agora algo interessante: pegamos o 209 e diminuímos de 105 = 104, que, note bem, somado ao (8 + 2) nos fornece 114, quantia encontrada por mim na figura milenar denominada “flor da vida” onde, dentro de 19 círculos mais proeminentes, se encontra em cada um deles 6 pétalas. Agora, se fizermos 209 + 105 = 314, ou uma clara referência aos algarismos iniciais da razão PI 3,14, tendo também no âmbito dessas casas compreendidas entre a 50ª e a 56ª também o 1, o 5 e o 9, complementando assim o 3,14159 do Pi. E podemos, claramente, obter mais algumas casas iniciais do Pi com esses cálculos com os algarismos representantes dessas casas 50ª a 56ª. Pode-se notar inclusive que podemos obter o 6 (1 + 5), o 2 ( 54ª casa), e o 8 ( 53ª casa), encontrando aí o dobro do 3,14 que é  6,28. Nestes termos também encontramos o produto de 3,14 x 3 = 9,42. Se procurarmos a magnitude de ambos: 6,6 e 7,5, conseguimos através dos seguintes cálculos: Temos 582, então 8 – 2 = 6, e esse 6 alocado antes do 5 nos fornece 65 ou 6,5. No caso do 7,5, fazemos 82 – 5 = 77, ou uma citação bem próxima se colocarmos uma vírgula: 7,7 ! Também poderíamos fazer a soma de 5 + 8 + 2 = 15 e dividir por 2 = 7,5, mas aí usaríamos o 2 por 2 vezes.

Como podemos perceber, me parece claramente, existe uma ligação em vários aspectos entre a razão Pi e muitos e muitos fatos e circunstâncias que estão próximos a nós, aqui na Terra como no sistema solar e talvez, obviamente assim creio, na galáxia e no universo como um todo, que utilizaria o Pi como uma coluna dorsal para o desenrolar de fatos naturais demarcadores e orientadores de nossa evolução. E isso pode ser visto com clareza no meu outro blog sobre a razão Pi e a espiritualidade.